Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

coitadinhodocrocodilo



Terça-feira, 22.01.13

Dia do preso

Ontem foi dia do preso. Ou melhor, da apresentação quinzenal do preso. Preso a uma esmola de subsídio, preso a um estereótipo, preso a uma necessidade que pode tolher a ambição de mudar de vida.

O Miguel adoeceu. Não há melhor dia para ficar em casa com ele do que no dia da apresentação quinzenal. Lá peguei no miúdo com febre e diarreia e metemo-nos no carro. Prendi-o na cadeira e senti um cheiro nauseabundo. Anda aqui animal morto… Não, havia alguém a sorrir, cheio de cocó. Resolvi ir na mesma: “Não há-de ser nada”.

Cheguei ao destino e no meio de um sol maravilhoso, desatou a chover, como se as nuvens estivessem a carpir mágoas. Bolas, fechada num carro, com um bebé mal cheiroso, encasacado, com febre e impaciente. Macacadas, caretas, canções, palminhas… nada. Lá agarrei nele e meti-o ao volante. É tiro e queda.

Consegui chegar à Junta, carregando mala, chapéu-de-chuva e uma criatura com quase 10 quilos e um bónus nas calças. Estava a tornar-se crítico… já ia na camisola. “Aqui estou eu. Não fugi do país (por muito que me apeteça), também não arranjei emprego”. Não havia sistema. “Oh céus, despache-se senhora, tenho aqui uma criancinha que fede!”. E o Miguel andava todo contente, indiferente à febre e ao cocó transbordante, de mão dada comigo, a tentar explorar o gabinete da senhora. Pronto! Temos carimbo, temos nova consulta marcada e temos muita pressa para chegar a casa.

O chamado dia de caca.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por coitadinhodocrocodilo às 18:18


1 comentário

De RN a 23.01.2013 às 12:35

A situação só por si não é a melhor, mas a tua visão é maravilhosa!

As melhoras do baby.

Bjs

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2013

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031