Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

coitadinhodocrocodilo


Segunda-feira, 30.12.13

Os capacetes da vida

Não desejo mal a ninguém, e ninguém merece morrer assim, mas quando leio as notícias não posso deixar de concluir que, em 20 anos, nunca “perdoei” Schumacher por ter festejado a sua vitória pessoal no dia em que desaparecia o melhor piloto do mundo, por nunca ter dedicado a corrida ao colega, por ter ousado abrir o champanhe sem verter uma lágrima ou dizer uma palavra à família verde e amarela.

A vida tem pistas onde nem o capacete nos salva.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por coitadinhodocrocodilo às 14:02


Mais sobre mim

foto do autor



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Julho 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Posts mais comentados